A JGB

Sobre a JGB

A JGB foi fundada em 1985 por José Geraldo Brasil, através de seu trabalho de conclusão de curso na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com o tema “Viabilidade Econômica de Implantação da Indústria de Equipamentos de Proteção Individual no RS”.

Fabricante de Equipamentos de Proteção Individual há mais de três décadas, a JGB é reconhecida pela confiança na proteção em situações de risco. Para isto, possui uma equipe de profissionais treinada e orientada no desenvolvimento de produtos, através do conhecimento das Normas, riscos e tecnologia aplicada na construção da melhor solução para o cliente, prestando suporte especializado, de forma a atender as necessidades específicas, incluindo orientações para obter a melhor proteção na utilização dos produtos, bem como a sua preservação. E a confiança que conquistamos foi possível pelo reconhecimento da qualidade do que fornecemos, buscando sempre a excelência no seu fornecimento através do rigoroso controle de qualidade, desde a aquisição da matéria prima, o processo de produção, até o cliente. Esta é a base do nosso método de trabalho!!! É um conjunto de condutas, aliado a tecnologias de produção e atendimento, que servem acima de tudo, para garantir tranquilidade e proteção aos nossos parceiros.

Atua em diferentes setores industriais, entre eles, a siderurgia, fundição, mineração, montadoras, papel e celulose, óleo e gás, implementos agrícolas, implementos rodoviários, concessionárias de energia, química, entre outros. Os principais produtos desenvolvidos pela JGB são EPIs de alto valor agregado, pensados para melhor atender as necessidades dos clientes, que tenham riscos de altas temperaturas, arco elétrico, combate a incêndio, químicos, solda, abrasivos e escoriantes, vapor pressurizado, ar mandado, protetores faciais, fogo repentino, respingos de metais em fusão, calor radiante, calor por contato e calor convectivo.

Linha do Tempo

1984

José Geraldo Brasil iniciou sua carreira na área de segurança muito cedo, abriu uma empresa de representação comercial que chamava-se JGB - José Geraldo Brasil Representações Ltda, localizada em Porto Alegre, e deparou-se com produtos de baixa qualidade e falta de cultura em segurança do trabalho. Foi então que colocou para si próprio um objetivo de montar uma fábrica de EPIs no RS; e foi este o tema do seu trabalho de conclusão de curso na UFRGS com o título “ Implantação de uma fábrica de Equipamentos de Proteção Individual no RS”, cujo objetivo era produzir produtos com excelente qualidade, atender as necessidades dos usuários e mudar o conceito de que pião usa qualquer coisa.

1985

Em 1985 sua empresa foi criada no município de Charqueadas com o nome de CEL – Charqueadas Equipamentos Ltda, iniciando a fabricação dos primeiros pares de luvas no dia 02.05.1985. A CEL teve muita receptividade, pois o mercado já conhecia o estilo e o ritmo de trabalho de José Geraldo.

1987

Em 1987 , a empresa mudou sua razão social para JGB – Equipamentos de Segurança Ltda, e em 1989 alterou novamente para JGB – Equipamentos de Segurança S/A que permanece até hoje. José Geraldo permaneceu como Representante Comercial até o final de 1990 ( 12 anos ) quando então decidiu dedicar-se full time à JGB indústria. Assim, José Geraldo é um profissional que já atua no mercado segurança e proteção há muitos anos.

1992

José Geraldo Brasil, em 1992 lançou no mercado o KOURíON, couro especialmente tratado para manuseio de peças aquecidas até 300°C. Seu lançamento foi na Feira Industrial de Hannover na Alemanha a convite da área de Negócios Internacionais da FIERGS. Este produto revolucionou o mercado de segurança na proteção às altas temperaturas. Até o momento somente o AMIANTO era o produto utilizado nesta atividade. José Geraldo sabia do problema que os operadores estavam enfrentando no uso diário de EPIs construídos à base de amianto, cujo dano à saúde é silencioso e seus efeitos se apresentam bem mais tarde quando já não há muito a ser feito. José Geraldo foi obstinado ao encontro de uma solução e após 3 anos de pesquisas, entraves, testes e mais testes, chegou ao KOURÍON, uma matéria prima natural, com excelente capacidade de resistência ao calor e respingos de metais em fusão (processo siderúrgico e soldagem). De lá para cá, o KOURÍON tornou-se símbolo de proteção ao calor e hoje os clientes quando necessitam desta proteção solicitam o KOURÍON.

1995

Outra inovação trazida é a aluminização de materiais ( couro e tecidos ) para a fabricação de EPIs ( luvas, aventais, casacos, capas, perneiras, capuzes , etc ) para áreas com calor radiante tais como aciarias, lingotamento contínuo, fundição de alumínio, cobre e outros metais. A partir de 1995 a empresa começou a fornecer EPI aluminizados feitos na própria JGB. Aliás até hoje, no Brasil a JGB é a única empresa que detém a tecnologia de aluminização de materiais, o que dá à JGB a flexibilidade no atendimento às necessidades dos clientes.

1996

Outra inovação trazida por José Geraldo na condução da JGB, foi a apresentação de EPIs produzidos com tecidos anti-chamas, resultado de parcerias firmadas entre a JGB e algumas empresas no exterior. A partir de 1992 quando a JGB foi para a feira de Hannover, abriram-se muitas portas, pois a JGB pôde ver que em outros países, as vestimentas para áreas de respingos de metais em fusão, já eram mais leves, mais confortáveis, mais bonitas, e que possuíam alto poder de proteção, pois eram feitas em fibras de alta tecnologia, as quais eram ignífugas. Por volta também de 1995, a JGB iniciou um grande trabalho no mercado, de modo a quebrar o paradigma de que só o couro, poderia ser utilizado nestas áreas. Foi um trabalho muito difícil pois além do valor destes tecidos ser muito mais alto que o valor do couro, havia a desconfiança se realmente atenderiam os quesitos de proteção, ou seja, se realmente aquele tecido iria agüentar e não queimaria.

1997

A JGB sempre participou de feiras como forma de se mostrar ao mercado, apresentando seus produtos e sua equipe, porém também como forma de valorizar o segmento e contribuir na sua profissionalização. Participa desde 1987 da FISP – Feira Internacional de Segurança e Proteção, pois a considera o principal evento da categoria e uma grande oportunidade de troca e de relacionamento com seus pares e com seus clientes. Em edições da FISP foi palestrante levando principalmente conceitos ligados à sustentabilidade das empresas de EPIs com relação à utilização adequada do couro e seu destino final ( descarte ).

1999

Primeira empresa Brasileira a conquistar o CE Marking, sendo um indicativo de conformidade obrigatória para diversos produtos comercializados no Espaço Econômico Europeu. Esta marca indica que um produto atende a legislação da União Europeia em requesitos como segurança, higiene e proteção ambiental estando, desta forma, credenciado a circular por todo Espaço Econômico Europeu.

2002

Empresa agraciada pelo Prêmio Talentos Empreendedores, cujo objetivo é reconhecer as ações de sucesso de micro e pequenas empresas de todo o Estado.

2003

Agraciada com o Prêmio Qualidade RS – PGQP, que reconhece, anualmente, as organizações que mais se destacam na Gestão pela Qualidade e nas práticas de Inovação.

2005

Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2008

2017

Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2015

2018

A JGB recebeu o Prêmio Exportação na Categoria DESTAQUE SETORIAL – MÁQUINAS / EQUIPAMENTOS na 46ª Edição do Prêmio Exportação RS, referente as ações realizadas em 2017.

Prêmios

Todo prêmio ou certificação são sempre resultados de muito esforço. Este esforço, para a JGB significa um forte investimento em tecnologia, treinamento e capacitação da equipe, além da aplicação de um rigoroso controle da qualidade dos produtos.

1990

Primeira empresa Brasileira a conquistar o CE Marking

2002

Prêmio Talentos Empreendedores

2003

Prêmio Qualidade RS – PGQP

2005

Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2008

2017

Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade - ISO 9001:2015

2018

Prêmio na Categoria DESTAQUE SETORIAL – MÁQUINAS / EQUIPAMENTOS na 46ª Edição do Prêmio Exportação RS

Missão e Valores

Nossa Missão

Sermos confiáveis na proteção ao risco.

 

Valores

Dedicação: O empenho, ousadia e coragem, não medir esforços, ir além, fazer com com o coração, com vontade, indo até o fim para entregar o resultado.

Empatia com o cliente: Colocar-se no lugar do cliente, tentar entender o problema pela ótica dele, entregar a ele o que gostaria de receber se estivesse no lugar dele.

Pioneirismo/Inovação: Criar novas necessidades, fazer antes que os outros, mudar de patamar as soluções entregues, transformar o ambiente de negócios, acreditar no que faz.

Empresa Cidadã: Empresa ética com seus públicos, que cumpre com suas responsabilidades sociais (em relação aos seus colaboradores e a comunidade em que está inserida), ambientais e legais.

Trabalho em equipe: Compartilhamento da comunicação, ajuda mútua – independente de hierarquia – para busca dos resultados empresariais, feedback honesto, abertura e humildade para o aprendizado.

Foco nos resultados: Entrega pessoal de resultados, focados nos objetivos estratégicos definidos pela empresa. Acompanhamento sistemático dos resultados.

Nossa Política da Qualidade

A JGB quer ser reconhecida pelos clientes e partes interessadas como empresa confiável na proteção e situações de risco, atendendo a legislação, normas vigentes e garantindo o atendimento dos objetivos estratégicos e a melhoria do SGQ.

JGB no seu evento

Na JGB, nós contamos com uma equipe técnica altamente especializada em Equipamentos de Proteção Individual para tornar o seu evento ainda melhor. Cadastre a SIPAT da sua empresa para saber mais informações sobre nossos treinamentos de produtos, adequações, normas e palestras técnicas. Não perca esta oportunidade!